Garagem foi fechada sem aviso e explicação na Cidade Empresarial de Aparecida
Garagem foi fechada sem aviso e explicação na Cidade Empresarial de Aparecida | Foto: Divulgação/PC-GO

A Polícia Civil (PC) procura um empresário indiciado por dar golpes em dezenas de clientes de uma loja de venda de veículos na Cidade Empresarial, em Aparecida de Goiânia.

Nessa 5ª feira (18), a Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Aparecida concluiu as investigações relativas ao caso.

Segundo a PC, os clientes foram surpreendidos há cerca de 1 mês ao descobrirem que a empresa fechou as portas sem explicação alguma.

Nesse meio tempo, várias pessoas que deixaram seus veículos para serem vendidos no local não recuperaram o bem e nem mesmo o valor obtido pela suposta venda.

Clientes foram surpreendidos por comunicado avisando que a loja fora fechada sem maiores explicações
Clientes foram surpreendidos por comunicado avisando que a loja fora fechada sem maiores explicações | Foto: Divulgação/PC-GO

Nas investigações, a Polícia Civil apontou Junior Cesar Bueno Pires, de 45 anos, como o proprietário de fato da empresa.

Segundo os investigadores, desde a criação da loja até 2020, ele teria se apropriado indevidamente de veículos de várias vítimas, induzindo-as a erro.

Ainda de acordo com o levantamento, Junior chegou a vender o mesmo veículo para mais de 1 pessoa, apropriando-se dos valores e gerando grandes prejuízos financeiros.

O inquérito, que produziu provas técnicas e testemunhais, foi concluído e enviado ao Poder Judiciário.

Após representação da autoridade policial, a Justiça decretou a prisão preventiva do empresário, que se encontra foragido do Estado.

O empresário foi formalmente indiciado pelas dezenas de apropriações indébitas, que podem acarretar pena de mais de 20 anos de prisão.

Dono de garagem suspeito de golpes em Aparecida está foragido
Dono de garagem suspeito de golpes em Aparecida está foragido | Foto: Divulgação/PC-GO

Informações sobre o indiciado foragido

Qualquer notícia do paradeiro do empresário pode ser comunicada, anonimamente, pelo disque-denúncia 197 ou diretamente no telefone da 5ª DDP: (62) 3201-2276.

Segundo a Polícia Civil, a divulgação da imagem e identificação do autor foi procedida nos termos da Lei nº 13.869/2019, Portaria nº 02/2020 – PC e Despacho do Delegado de Polícia responsável pela investigação.

O objetivo da medida é auxiliar no reconhecimento e localização do foragido para cumprimento da prisão decretada.

Grupo que cobrava por cargos falsos no governo é preso em Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook