Confira a Retrospectiva 2020 de Aparecida de Goiânia
Confira a Retrospectiva 2020 de Aparecida de Goiânia | Foto: Montagem/FZ

Atípico em todos os sentidos devido a uma pandemia que colocou o mundo inteiro fora do eixo, o ano de 2020 também foi intenso em Aparecida de Goiânia.

Para te ajudar a relembrar o que aconteceu de mais importante em Aparecida ao longo do ano, a Folha Z produziu uma retrospectiva completa sobre os fatos.

Confira a lista, separada por categorias:

Covid-19: Retrospectiva 2020

Boletim de casos de coronavírus confirmados em Goiás | Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Folha Z publicou boletim diário de casos de coronavírus confirmados em Aparecida, Goiânia e Goiás | Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

1ª infecção na cidade

O 1º teste que resultou positivo para coronavírus na cidade foi no dia 18 de março, na UPA Buriti Sereno.

A paciente era uma mulher de 34 anos, que esteve nos Estados Unidos em fevereiro.

Posteriormente, as Secretarias de Saúde passaram a contabilizar seu nome entre os casos confirmados em Goiânia, devido a uma duplicidade de endereços.

Dessa forma, o 1º morador de Aparecida infectado pelo vírus foi oficialmente registrado em 23 de março.

Tratava-se de um homem de 69 anos, que havia voltado de viagem à Itália, país que passava por um pico de mortes à época.

Pouco mais de 2 semanas depois, ele estava curado da doença.

Até essa 4ª feira (30), Aparecida já confirmou 41.785 casos de infecção por coronavírus. Deles, 225 estão ativos nesse momento. Já os óbitos em virtude da doença somam 589.

Prefeito Gustavo Mendanha e secretários André Rosa (Fazenda) e Alessandro Magalhães (Saúde) explicam plano de escalonamento de Aparecida de Goiânia | Foto: Folha Z
Prefeito Gustavo Mendanha e secretários André Rosa (Fazenda) e Alessandro Magalhães (Saúde) explicam plano de escalonamento de Aparecida de Goiânia | Foto: Folha Z
Comércios fecharam as portas no primeiro dia de escalonamento em Aparecida | Foto: Claudivino Antunes
Comércios fecharam as portas no primeiro dia de escalonamento em Aparecida | Foto: Claudivino Antunes

Escalonamento por macrorregiões

O escalonamento regional do comércio em Aparecida de Goiânia começou a funcionar no dia 8 de junho.

O modelo, inspirado em uma experiência israelense, visava fechar atividades não essenciais em regiões diferentes da cidade e assim reduzir o fluxo de pessoas nas ruas.

A medida durou 2 meses e foi alvo de intensos protestos de comerciantes e feirantes aparecidenses.

De lá para cá, a Secretaria Municipal de Saúde monitora os números de infecções e de leitos ocupados na rede hospitalar para determinar a possibilidade de retorno das restrições.

João Rodrigues Cocá morreu aos 54 anos
João Rodrigues Cocá morreu aos 54 anos em decorrência de complicações da covid-19 | Foto: Reprodução

Morte de Cocá

Diretor de futebol da Aparecidense, João Rodrigues Cocá morreu no dia 18 de outubro aos 54 anos.

Ele lutou mais de 1 mês contra complicações da covid-19, desde que recebeu o diagnóstico positivo no início de setembro.

Diabético, Cocá chegou a ser levado à UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e estava internado no hospital Órion, em Goiânia.

Muito querido por personalidades políticas e artísticas goianas, ele faz parte das quase 600 vítimas que o vírus fez em Aparecida ao longo de 2020.

Ocorrências policiais

Falso mendigo mata empresário no Jardim dos Girassóis, em Aparecida | Foto: Reprodução/Câmeras de Vigilância
Falso mendigo mata empresário no Jardim dos Girassóis, em Aparecida | Foto: Reprodução/Câmeras de Vigilância

Falso mendigo comete assassinato

Era o início da manhã de 5 de julho quando o empresário Francisco de Assis da Silva Júnior, de 38 anos, foi morto a tiros em frente à própria casa, no Jardim dos Girassóis, em Aparecida.

O seu algoz estava “disfarçado” de mendigo. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que ele se aproximou da casa da vítima empurrando uma bicicleta e se posicionou à espera do empresário.

Quando Francisco saiu pelo portão, foi abordado e baleado.

A vítima ainda tentou correr em busca de socorro, mas não resistiu aos ferimentos e caiu no chão, quando foi novamente alvejado.

O caso chocou a população e entrou para as estatísticas de homicídios na cidade.

homem velou mãe queimado
Homem que velou a mãe sozinho morreu queimado em incêndio em Aparecida | Foto: Reprodução

Morto após velar a mãe sozinho

José Ricardo Fernandes, de 44 anos, foi assassinado no dia 12 de julho.

Dentro do próprio apartamento, no Conjunto Estrela do Sul, em Aparecida, ele foi espancado, teve o corpo queimado e não resistiu aos ferimentos.

O homem ficou famoso após repercutir nas redes uma foto em que aparecia velando sozinho a mãe.

Com a saúde debilitada e necessitando de hemodiálise, ele comoveu muitas pessoas, que fizeram doações financeiras por meio de arrecadação virtual, chegando a um valor de R$ 40 mil.

Segundo a Polícia Civil, a suposta autora do crime teria contratado um matador de aluguel por meio das redes sociais para executar seu plano de tomar o dinheiro de José Ricardo.

Juntos, mandante e executor teriam espancado a vítima com socos, chutes e pancadas, e ateado álcool e fogo sobre ele, que teve 80% do corpo queimado.

Cinco meses depois, a dupla, de 22 anos, aguarda julgamento após denúncia do Ministério Público.

Veiga Jardim: Suspeito de matar e carregar cadáver em carrinho de mão foi preso no Maranhão
Veiga Jardim: Suspeito de matar e carregar cadáver em carrinho de mão foi preso no Maranhão | Fotos: Divulgação/PC-GO

Homicídio no carrinho de mão

O corpo de um jovem foi encontrado abandonado dentro de um carrinho de mão na rua Coronel José Augusto Perillo, no Parque Veiga Jardim, em Aparecida, no dia 22 de agosto.

O autor teria carregado o corpo da vítima por cerca de 2 km, visando esconder o corpo.

No carrinho, policiais encontraram uma mala de viagem, dentro da qual estava o cadáver, enrolado em panos.

Pouco mais de 1 mês depois, em 28 de setembro, um jovem de 21 anos apontado como autor do crime foi preso na cidade de Timon (MA).

Segundo a PC, ele estava escondido na casa de uma tia, situada em uma área de ocupação na zona rural da cidade.

Ele foi indiciado pelos crimes de homicídio qualificado consumado e tentativa de ocultação de cadáver.

Retrospectiva da política de Aparecida em 2020

Gustavo Mendanha | Foto: Reprodução
Gustavo Mendanha | Foto: Reprodução

Reeleição história de Gustavo Mendanha

Hit de sucesso em 2020, O homem disparou é a música que melhor define o ano para Gustavo Mendanha (MDB).

Reeleito com 95,8% dos votos em Aparecida de Goiânia, o prefeito entrou para o radar político nacional.

A votação recordista foi parar no Fantástico, da Rede Globo.

Tanta popularidade em alta e o prestígio entre grupos políticos diversos, agora, fazem lideranças partidárias apontarem o nome dele para voos mais altos no futuro, como o Governo de Goiás.

Valéria Pettersen e Camila Rosa | Foto: Reprodução
Valéria Pettersen e Camila Rosa | Foto: Montagem/FZ

Mulheres de volta à Câmara

Após 4 anos sem nenhuma representante, a Câmara de Aparecida de Goiânia agora terá 2 mulheres vereadoras de 2021 a 2024.

Na votação de novembro, foram eleitas Valéria Pettersen (MDB) e Camila Rosa (PSD).

A última mulher a ocupar uma cadeira no Legislativo aparecidense foi a delegada Cybelle Tristão.

Ela cumpriu mandato de 2012 a 2016, não conseguiu a reeleição e, apesar de ter ensaiado, não foi candidata em 2020.

Veter Martins Morais
Veter Martins Morais | Foto: José Alves/Folha Z

Reviravoltas de Veter Martins

Na reta final da pré-campanha, em setembro de 2020, Veter Martins foi surpreendido pela notícia de que não seria mais vice de Gustavo Mendanha.

Na sequência, descobriu que o seu melhor amigo na política, Vilmar Mariano, seria seu substituto na chapa emedebista.

Depois, chegou a lançar candidatura contra os aliados, apoiado pelo governador, mas acabou desistindo do pleito.

O ano foi cheio de reviravoltas para o político de 50 anos, que cumpre suas últimas 24 horas como vice-prefeito de Aparecida neste dia 31 de dezembro.

Esses e outras detalhes você pode ler na entrevista exclusiva que Veter Martins concedeu ao Aparecida Sem Censura, aqui na Folha Z.

Variedades

Aparecida Times Square Nova York
Aparecida é homenageada na Times Square, em Nova York | Foto: Divulgação

Times Square

O nome de Aparecida de Goiânia foi exibido em um telão da famosa Times Square, em Nova York, nos Estados Unidos.

A homenagem foi realizada no dia 12 de dezembro, pela empresa Stone, aos empresários e empreendedores da cidade.

“Essa é a homenagem da Stone a Aparecida de Goiânia e todos os empreendedores que dedicam seu tempo, energia e fé investindo na região. É sempre importante lembrar do papel de cada micro e pequeno negócio do Brasil que, juntos, constroem 30% do PIB brasileiro”, comentou a head de Marketing e Relações com Clientes da empresa, Alessandra Giner.

A campanha “Negócios são motores de sonhos” fez ainda o nome de outras 219 cidades brasileiras brilharem nos painéis digitais da Nasdaq.

Loteria Volante de Ouro, em Aparecida, teve aposta ganhadora de R$ 1,3 milhão da Lotofácil
Loteria Volante de Ouro, em Aparecida, teve aposta ganhadora de R$ 1,3 milhão da Lotofácil | Foto: Reprodução

Lotofácil

Uma aposta feita em Aparecida de Goiânia foi premiada com R$ 1.326.158,55 na Lotofácil, em sorteio realizado em 24 de agosto.

O morador da cidade dividiu o prêmio cheio com um apostador de Cotia (SP).

O mais novo aparecidense milionário do pedaço acertou 15 números, em jogo realizado em lotérica “pé quente” que fica na Avenida Rudá, no Jardim Santo Antônio.

Aparecidense celebrou 10 jogos de invencibilidade em setembro de 2020, um recorde histórico para o time | Foto: Reprodução/IG Aparecidense
Aparecidense celebrou 10 jogos de invencibilidade em setembro de 2020, um recorde histórico para o time | Foto: Reprodução/IG Aparecidense

Aparecidense

A Aparecidense se classificou para as quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Após vencer o São Luiz-RS em jogo fora de casa por 4 a 0, o Camaleão conseguiu se classificar mesmo após perder em casa, por 2 a 1, no dia 28 de dezembro.

O adversário dos goianos nas quartas será o Mirassol-SP, com o 1º jogo marcado para o dia 2/1/2021, em São Paulo.

Já a decisão será no Aníbal Batista de Toledo, uma semana depois.

Com os resultados, a Aparecidense se aproxima do acesso à 3ª divisão do Brasileiro.

Resultado: Conheça os Mais Influentes de 2020 em Aparecida


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook