Corpo de mulher encontrado no Jardim Tiradentes tinha sinais de crime sexual | Reprodução / TV Anhanguera
Corpo de mulher encontrado no Jardim Tiradentes tinha sinais de crime sexual | Reprodução / TV Anhanguera

A Polícia Civil identificou vários sinais de violência sexual no corpo de uma mulher encontrado, sem vida, em um lote baldio na divisa do Residencial Anhembi com o Jardim Tiradentes, em Aparecida de Goiânia.

Após uma 1ª análise, os investigadores acreditam que ela morreu entre a noite de domingo (1º) e a madrugada desta 2ª feira (2).

A vítima estava nua e apresentava vários ferimentos pelo corpo, principalmente no rosto.

À Folha Z, o delegado Charles Lobo relatou que a mulher tinha fraturas nos ossos da face e marcas de golpes em outras regiões [VÍDEO ACIMA].

A investigação preliminar ainda apontou indícios de que ela tenha sido vítima de um crime sexual. Porém, uma perícia detalhada ainda será realizada para determinar se houve violência sexual e as causas da morte.

Identificação

Recolhido às margens da Avenida 21 de Abril, o corpo da mulher segue no Instituto Médico Legal (IML) para perícia.

Tratava-se de uma mulher jovem, por volta de 30 anos, de pele branca e cabelos escuros.

Até o momento, porém, ela ainda não foi identificada.

Adolescente baleado em briga de torcidas é filho de PM


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook