Violência: homem leva tiro nas nádegas na Vila Canaã

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência atendeu vítima que levou tiro nas nádegas (Foto: Reprodução)
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência atendeu vítima que levou tiro nas nádegas (Foto: Reprodução)

Um homem levou um tiro nas nádegas na Vila Canaã e embarcou em um ônibus para o Terminal Bandeiras, no Jardim Europa, na tarde desta quinta-feira (18). Lá, a Polícia Militar foi acionada e a vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) e conduzido ao Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO).

Atualização*

Segundo o major Pinangé, o homem não quis prestar queixa do ocorrido.

E ele não foi o único baleado desta tarde em Goiânia. A outra ocorrência foi no Setor Recanto do Bosque, onde uma mulher foi atingida com um disparo no rosto.

Uma equipe do SAMU trabalha para socorrer a vítima, mas ainda não há informações sobre a autoria ou a motivação dos dois crimes.

Insegurança

Recente reportagem do “Popular” revelou que o efetivo da Polícia Militar (PM) em Goiânia perdeu mais da metade do contingente nos últimos dez anos, passando de 3,5 mil policiais exclusivos, em 2007, para 1,5 mil em 2016.

LEIA MAIS: Joaquim no “Goiás das maravilhas” – JOGO LIMPO com Rodrigo Czepak

Para o chefe de gabinete da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), Edilson de Brito, “o sistema de segurança pública está errado. Estamos passando por momentos muito difíceis”.

Enquanto isso, a violência é tema recorrente nas manchetes goianas.

LEIA MAIS: 

Atlético-MG e fornecedora de material esportivo do Goiás são criticados por machismo

A morte que faz rir e cantar – JOGO LIMPO com Rodrigo Czepak

Comentários do Facebook