Gustavo Mendanha | Foto: Rodrigo Estrela
Gustavo Mendanha | Foto: Rodrigo Estrela

Prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (MDB) anunciou que vai levar à Polícia Civil queixas sobre vídeos e montagens divulgados nos últimos meses para atacar sua reputação.

Nas divulgações, os autores das postagens estariam tentando, entre outras coisas, associar o prefeito ao ex-governador Marconi Perillo (PSDB).

Mendanha, por sua vez, nega qualquer aproximação política com o tucano.

“É lamentável que pessoas tentem confundir a opinião pública com mentiras e ainda envolve nossos familiares em fake news”, escreveu nas redes.

2022

Para interlocutores do prefeito, essas campanhas têm o objetivo de atacar a sua imagem e assim afastá-lo da possibilidade de concorrer ao Governo de Goiás em 2022.

Embora não descarte ou confirme a disputa, Mendanha tem sido um dos principais defensores da ideia de que o MDB tenha candidato majoritário próprio a nível estadual.

Em entrevista ao jornal “O Popular” nessa 3ª feira (25), inclusive, o prefeito declarou que, caso o presidente estadual da sigla, Daniel Vilela, não seja o candidato, o nome deve ser escolhido por meio de pesquisas qualitativas.

‘Nada é por acaso’, diz Albernaz sobre cogitação de Mendanha para o governo


Quer receber notícias dos bastidores da política de Aparecida? NOSSO NÚMERO MUDOU!

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade!

Basta clicar aqui para ter as matérias especiais da Folha Z direto do seu celular!

Comentários do Facebook