3 secretarias devem ser extintas, ou pelo menos remodeladas, dentro da estrutura da Prefeitura de Aparecida de Goiânia.

É o que prevê o projeto de reforma administrativa proposto pelo Executivo para o ano que vem.

A proposta será votada em sessão extraordinária na manhã desta 5ª feira (31).

Pastas que tiveram destaque durante os 4 primeiros anos da gestão de Gustavo Mendanha (MDB) não farão parte mais do organograma da administração:

  • Casa Civil (hoje comandada por Fábio Passaglia): deve ter suas atribuições absorvidas pela pasta de Relações Institucionais;
  • Mobilidade e Defesa Social (chefiada por Roberto Cândido): será suplantada pela Secretaria Segurança Pública, tanto na parte de trânsito quanto na parte de vigilância;
  • Projetos e Captação de Recursos (cujo titular é Einstein Paniago): também deve ser absorvida pelas Relações Institucionais.

8 novas pastas devem ser criadas na gestão de Mendanha; veja a lista


Quer receber notícias dos bastidores da política de Aparecida? NOSSO NÚMERO MUDOU!

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade!

Mande uma mensagem para o Whatsapp da Folha Z e se cadastre para ter as matérias especiais da Folha Z direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o seu nome e a seguinte mensagem: “quero notícias da política de Aparecida”.

Comentários do Facebook