Frontini troca o Vila Nova pelo Goiânia

Frontini vai jogar com a camisa do Galo (Foto: Reprodução)
Frontini vai jogar com a camisa do Galo (Foto: Reprodução)

Depois de muita confusão entre Frontini e Vila Nova, parece que a história está chegando ao fim. O atacante negocia com o Goiânia há vários dias e, segundo o presidente do Galo, Eduardo Machado, um acerto já foi apalavrado.

Segundo Machado, Frontini aceitou a proposta feita pelo Goiânia, mas ainda não assinou o contrato porque tem altos valores a receber do Vila Nova.

“Fizemos uma proposta e ele aceitou. Porém, ele está querendo, primeiro, resolver o problema dele com o Vila. Parece que ele tem muito dinheiro para receber e ele não quer assinar. Na cabeça dele, se assinar com a gente, aí que o Vila não vai pagar ele mesmo. Se não resolver isso até hoje, não vai ter como regularizar ele a tempo de jogar com o Iporá (no domingo). Estamos no pé dele. Já estou em Goiânia e vou encontrar com ele ainda hoje (quarta-feira, 17)”, disse o mandatário à Rádio 730.

LEIA MAIS: Brasil goleia e está na final do futebol masculino nas Olimpíadas

Novela repetida

A paixão entre Frontini e Vila, que durava desde a boa campanha do jogador no título da terceira divisão, foi estremecida depois de troca de farpas entre ele e o presidente Guto Veronez através da imprensa. O presidente diz que o jogador pediu para sair, mas o atacante nega, alegando que foi afastado.

Fato é que, já sem Robston, o Vila agora perde outra referência do time. No entanto, as decisões parecem ter todo o respaldo do treinador colorado, Guilherme Alves, que, na próxima sexta-feira (19), comanda o Vila contra o Bragantino, no interior de São Paulo.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook