O Governo Federal projetou para R$ 1.088 o salário mínimo no Brasil em 2021. Em agosto, a previsão era saltar de R$ 1.045 (valor atual) para R$ 1.067.

Segundo o ministro da Economia Paulo Guedes nesta 3ª feira (15), a estimativa foi atualizada por conta do aumento da inflação recente.

Em abril, a estimativa era que o mínimo chegaria a R$ 1.079.

Apesar do piso salarial ter sido reajustado acima da inflação em outros anos, o governo de Jair Bolsonaro não pretende seguir o mesmo caminho.

O Congresso recebeu o ofício de alteração do salário mínimo e deve votar em sessão conjunta nesta 4ª feira (16).

Salário mínimo 2021

No final do ano, mais especificamente nos últimos dias, o governo costuma estimar o valor do piso salarial.

Isso porque é nesse período que se tem uma visão mais clara da inflação ao longo do ano para fazer o reajuste.

O cálculo utiliza o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) como base, que acumula alta de 3,93%.

Neste ano, o valor é de 5,2%, de acordo com o IBGE.

O INPC é utilizado como base de cálculo no reajuste do piso para manter o poder de compra do salário mínimo.

LEIA MAIS ➡️ Acidente entre 3 caminhões, ônibus e caminhonete mata 4 na BR-153


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook