JOGO LIMPO com Rodrigo Czepak

Rodrigo Jogo Limpo

Falta atitude

Quando perguntado sobre o porquê da gradação da investida, um senador tucano explicou: uma parcela da população está insatisfeita com o atual governo, descontente com o partido, mas reconhece que o ex-presidente Lula melhorou as condições de vida da população, sobretudo a mais carente. É esta parcela que pode fazer a diferença. O próprio PSDB, segundo ele, reconhece isso, mas não pode assumir publicamente. Seria elogiar o inimigo.
Lula, ex-presidente da República

Até o ex-presidente Lula concorda que o roteiro administrativo de Dilma Rousseff precisa mudar da água para o vinho. De nada adiantam discursos quilométricos em reuniões ministeriais de fachada se o sentimento de inércia perdurar. Dilma conclamou os novos auxiliares a defenderem o governo, mas ela própria fica acuada diante de fatos negativos.

Bola de cristal

Uma breve comparação entre o jeito Lula e Dilma de governar: Graça Foster já teria deixado a presidência da Petrobras; polêmica sobre retirada de conquistas trabalhistas não passaria de um delírio (mesmo analisada por governistas); Henrique Meirelles estaria contribuindo com o governo, direta ou indiretamente; e por último, relação com Eduardo Cunha, favorito à presidência da Câmara, não causaria maiores atritos entre PT e PMDB. Para ficar apenas nesses exemplos.

Ibope garantido

A Rede Globo repete fórmula batida para garantir audiência e grande repercussão à minissérie “Felizes Para Sempre”. Belas cenas de sexo, traição, intrigas, corrupção e o aguardado homicídio para surgirem especulações sobre o autor do crime. Assim como “O Canto da Sereia” e “Amores Roubados” priorizaram gravações na região Nordeste, a produção atual escolheu Brasília (DF) para fugir do eixo RJ-SP. E a maior das coincidências: a aposta nas exuberantes e sensualíssimas Ísis Valverde e Paolla Oliveira.

Suspeitas

saneagoO anúncio da Saneago de que 45 bairros de Aparecida de Goiânia estarão com as torneiras vazias ao longo do dia de hoje carrega uma dúvida e uma certeza. O ponto de interrogação, apesar dos desmentidos dos técnicos, é de que possa ser o primeiro sinal de racionamento de água na Região Metropolitana. E a certeza recai sobre a infeliz escolha do número de bairros, justamente o 45 do PSDB. Um setor a mais ou a menos seria insignificante.

Panela de pressão

E a reforma administrativa imposta por Marconi Perillo continua travando a rotina do governo. As áreas da segurança pública, agrodefesa e cultura estão entre as mais atingidas. A ausência de servidores nas repartições e o corte das horas extras estão ampliando o clima de instabilidade na gestão e forte cobrança junto a deputados da base aliada.

Moscas

A diretoria do Goiás decidiu elevar o preço dos ingressos no Campeonato Goiano – 80 reais a arquibancada e 120 reais a cadeira – para impulsionar a adesão ao programa sócio-torcedor. Como as principais “atrações” do clube são o goleiro Renan, o volante Davi e o meia Felipe Menezes, não existe a menor expectativa de que aconteça grande procura pela aquisição antecipada dos ingressos. Resumindo: poucas testemunhas nos estádios e baixa arrecadação.

Fio da navalha

Numa excelente fase como titular no gol do Flamengo, Paulo Victor precisa ficar esperto para não ser atingido pela maldição da camisa 1 no clube. Primeiro foi Bruno, acusado de ser o mandante do assassinato da modelo Eliza Samudio e que está preso em MG. Agora chegou a vez da sumária demissão de Felipe, que chegou a ser cotado para a seleção, assim como Bruno. Como se vê, a distância entre céu e inferno no gol do Flamengo não é das maiores.

Comentários do Facebook