Jornalista escreve carta ao papa sobre padre que visitou acusado de assassinato

Luiz Henrique Parahyba, leigo da Paróquia Santa Genoveva, Goiânia-GOIÁS – BRASIL.
Luiz Henrique Parahyba, leigo da Paróquia Santa Genoveva, Goiânia-GOIÁS – BRASIL.

O jornalista diz que a Renovação Carismática trocou os excluídos pelos ricos.

Quando comemoramos 50 anos do Concílio Vaticano II, acreditamos num novo Pentecostes, mas acho que foi muito forte. No Brasil, o Santíssimo Padre irá observar que há um verdadeiro desvirtuamento do Santo Evangelho, mas precisamente em Goiás na Arquidiocese de Goiânia, pastoreada pelo Arcebispo Dom Washington Cruz CP.

Não por culpa do nosso pastor, mas pelas forças ocultas do movimento de Renovação Carismática Católica (RCC), que na minha opinião, sepultou a Teologia da Libertação e fez a opção clara pelos RICOS. Senão vejamos:

Movimento RCC

Um padre, ligado  ao  denominado movimento religioso RCC, desafia a todo momento a hierarquia da Santa Igreja, promovendo cultos exagerados para os ricos, fugindo totalmente da linha pastoral adotado pela Igreja no Brasil e na Arquidiocese. O religioso já foi advertido e punido com suspensão da ordem religiosa e posteriormente transferido para outra paróquia, mesmo assim continua desafiado o Arcebispo e promovendo passeatas, carreatas e manifestações de promoção pessoal, financiada supostamente por grandes empresários.

A propósito dos financiadores do religioso a que me refiro, o episódio mais recente, foi a uma visita ao cárcere, que o religioso fez a um homem acusado de um crime bárbaro contra um jornalista esportivo do estado de Goiás, aqui no Brasil. O religioso, num gesto anticristo, foi visitar o rico que estava preso, não seguindo os passos de Jesus Cristo, expressado por Mateus 25: 36,39-40

36 – Necessitei de roupas, e vocês me vestiram; estive enfermo, e vocês cuidaram de mim; estive preso, e vocês me visitaram”.

39 – Quando te vimos enfermo ou preso e fomos te visitar?”

40 –“O Rei responderá” Digo a verdade: O que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o fizeram”.

Vossa Santidade, rogo a Deus para que a Igreja se volte novamente aos excluídos e injustiçados, e deixe que os opressores se esforcem e peçam a Misericórdia de Deus para que possam entrar no Reino dos Céus.

O que o religioso brasileiro está fazendo, é dando as costas aos injustiçados e apoiando os opressores ricos que matam e exploram os mais humildes. Ao visitar no  cárcere  um opressor, não era ali que estava a figura de Jesus Cristo. A figura de Jesus é o rosto do oprimido! Amém.

Sua Bênção,

Conheça o blog do Parahyba: www.luizparahyba.com.br

 

Comentários do Facebook