Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Aparecida de Goiânia amplia rastreamento da COVID-19 com mensagens de WhatsApp | Foto: Ênio Medeiros
Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Aparecida de Goiânia amplia rastreamento da COVID-19 com mensagens de WhatsApp | Foto: Ênio Medeiros

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Aparecida de Goiânia adotou um novo procedimento para conter a disseminação do novo coronavírus: o envio de mensagens de WhatsApp para potenciais contaminados.

O procedimento foi iniciado no 25 de outubro.

Por meio dele, quem faz o exame RT-PCR para diagnóstico da doença, em qualquer um dos 13 pontos de coleta do município, informa, na triagem, por escrito, o número do telefone celular das pessoas com quem tem ou teve contato recente.

Assim, em caso de resultado positivo para covid-19, quem teve contato com o infectado é avisado por uma mensagem de texto padronizada, via aplicativo WhatsApp, segura e que preserva o anonimato do contaminado.

A mensagem é enviada em menos de 24h após a liberação do resultado do RT-PCR, independentemente da pessoa analisada ter aberto ou não o resultado no site do laboratório.

exame covid-19 app Aparecida
App permite agendar exame para detectar a covid-19 em Aparecida | Foto: Wigor Vieira

Orientações

O texto enviado informa que o indivíduo deve se isolar, reforçar as medidas de higiene e usar máscara.

Outra orientação enviada é para que o contactante ligue para o 0800-646-1490 para receber recomendações médicas e agendar um teste para saber se também está infectado.

Para definir os critérios de quem são os contactantes a serem informados, a SMS usa a definição da Organização Mundial da Saúde (OMS): contato a menos de dois metros de distância por no mínimo 15 minutos.

Alessandro Magalhães | Foto: Divulgação/Prefeitura de Aparecida
Alessandro Magalhães | Foto: Divulgação/Prefeitura de Aparecida

Rastreamento e prevenção

Para o secretário municipal de Saúde Alessandro Magalhães, a medida, além de facilitar o tratamento precoce, também permitirá que novas infecções sejam evitadas.

“Com esse reforço no rastreamento que já fazíamos, agora também alertando o mais rápido possível quem teve contato com alguém infectado, podemos deter mais a cadeia do vírus e diminuir a taxa de contágio”, afirmou.

É falso que Caiado estuda fechar o comércio de novo em Goiás


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook