Ronaldo Caiado, Veter Martins e Iris Rezende | Fotos: Divulgação
Ronaldo Caiado, Veter Martins e Iris Rezende | Fotos: Divulgação

A chegada do coronavírus a Goiânia, com 3 casos já confirmados, alterou a rotina dos serviços públicos e também das autoridades da região.

Informações obtidas pela reportagem apontam que o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, quanto o prefeito em exercício de Aparecida, Veter Martins, foram orientados a tomar medidas cautelares em relação às suas agendas.

Aos 86 anos de idade e dentro do grupo de risco da doença, Iris recebeu recomendações de evitar o contato com aglomerações de pessoas.

A mesma postura será adotada pelo governador, que já tem 70 anos.

Já Veter Martins completará apenas 50 anos no próximo dia 26, mas ainda assim deve adotar medidas de precaução.

Interlocutores do prefeito em exercício acreditam que ele “terá que tirar o pé do acelerador” e não poderá colocar em prática a agenda recheada de atividades que tinha planejado para o período à frente do Executivo.

A recepção de comitivas de estudantes e outras visitas ao seu gabinete no Paço também devem ser restritas e os serviços relegados ao estritamente essencial.

Coronavírus: Prefeitura estuda suspender eventos


Quer receber notícias dos bastidores da política? NOSSO NÚMERO MUDOU!

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos do Estado!

Mande uma mensagem para o Whatsapp da Folha Z e se cadastre para ter as mat, érias especiais da Folha Z direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o seu nome e a seguinte mensagem: “quero notícias da política”.

Comentários do Facebook