Deputado federal João Campos (Republicanos) | Foto: Valdemy Teixeira / Folha Z
Deputado federal João Campos (Republicanos) | Foto: Valdemy Teixeira / Folha Z

Para o deputado federal João Campos, a ida de Valéria Pettersen para a Secretaria de Relações Institucionais de Goiânia pode “ser o início de uma reconstrução” da relação entre o MDB e a gestão de Rogério Cruz.

“Valéria é do MDB e tem história no partido, vem com o espírito de colaborar com a administração”, afirmou o deputado durante a posse da nova secretária nesta 6ª feira (30).

Na análise de Campos, todo o processo foi respeitoso por parte de Valéria.

“Não existe nenhum atropelo. Ela estabeleceu diálogo com as forças partidárias de Aparecida antes de vir. Se ela tivesse aceitado esse convite com uma atitude de desrespeito e afronta, teríamos outra consequência, mas não é isso que está acontecendo.”

Por fim, o deputado ainda ressaltou que, da sua parte, não há nenhum distanciamento com os emedebistas.

“Nunca me afastei [do MDB]. Tenho uma relação muito próxima com Gustavo e Daniel. Com Gustavo é mais próxima, é pessoal”, disse.

‘Se o prefeito Gustavo precisasse de mim lá, eu não viria’


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook